As placas padrão MERCOSUL são extremamente importantes para o desenvolvimento das boas relações entre os países do bloco econômico, isso porque dessa forma a circulação de veículos será mais eficiente e segura e por isso será mais fácil cruzar fronteiras com os veículos, ou quem sabe até comprar veículos fora do Brasil!
!
Exatamente porque esse tipo de mudança traz uma série de benefícios e vantagens, é importante que tenhamos em mente também que ela gera uma série de problemas e impedimentos, que podem se tornar extremamente complicados com o tempo.
Exatamente para te deixar á par das possíveis mudanças que você pode encarar nos próximos meses, nós do Capivaras estamos trazendo uma seleção completa de informações sobre as placas MERCOSUL e quais são os pontos centrais e dessa mudança, e porque ela demorou tanto para ser aprovada.
Afinal, porque as placas MERCOSUL demoraram tanto?
Importante entender que existiam profundas diferenças entre os códigos de transito dos países, com questões que envolviam especialmente o formato das placas de trânsito.
Depois dos acordos fechados, fez-se necessária algumas atualizações dentro dos sistemas dos DETRAN e do DENATRAN. Isso porque não havia tanto compartilhamento de informação quanto o sistema exigia, e isso se tornou um problema muito grande para essa implementação.
A conclusão que os DETRAN chegaram é que seria totalmente inútil aderir ao novo sistema de placas antes de desenvolver um sistema otimizado e unificado que fosse capaz de dividir essas informações de forma realmente eficiente.
Por isso as placas foram anunciadas e postergadas uma série de vezes, mas de acordo co fontes do governo a última data oferecida como limite para que a conversão das placas comece é dia 30 de junho de 2019.
Curiosamente alguns estados já estão emplacando novos carros dentro do Novo padrão, como é o caso do Rio de Janeiro, e isso vai adiantar consideravelmente situação da modificação das placas.
Quais são as vantagens que as placas padrão MERCOSUL vão trazer?
É indispensável entender que isso é um grande avanço tanto para o Brasil quanto para os países vizinhos, já que atitudes de compartilhamento de informações e facilitação do comércio entre os países do bloco ajuda a melhorar a economia e cria novas dinâmicas de negócios,evitando um comércio mais exploratório com os países desenvolvidos e aumentando a economia interna dentro do bloco.Isso faz com que, com toda a certeza,o desenvolvimento de todos os países,especialmente na indústria automotiva,seja mais interessante.
Esse tipo de troca de informações e comércio, acelerada pelas placas MERCOSUL, pode inclusive fazer com que a indústria automotiva no bloco se torne mais robusta e menos dependente de montadoras estrangeiras, já que a modificação do tipo de veículos (de combustão para elétricos) pode fazer com que empresas de dentro do bloco assumam um posto importante dentro do mercado mundial.
O que eu preciso fazer para não perder tempo sobre as placas MERCOSUL?
É importante estar sempre atento aos anúncios a partir de maio de 2019, porque é possível que a troca de placas se faça de forma parecida com o licenciamento (ou que aguarde o licenciamento 2020, não se sabe ainda).
O prazo pode ser postergado novamente, devido às questões políticas e devido á instabilidades no bloco causado pelos problemas da Venezuela. Fique tranquilo por aqui no Capivaras você vai ficar sabendo primeiro.

Descubra como você pode saber facilmente o histórico do carro ou moto usando apenas a placa. Acesse o Capivaras e conheça nossas consultas.


Capivaras

O Capivaras foi concebido para trazer facilidades para a vida das pessoas. Com a consulta do Histórico Veicular, é como se você tivesse em mãos a "certidão de nascimento" e o "laudo médico" do seu veículo, ou seja, tendo o "histórico veicular" em mãos, você saberá de onde ele veio e o que aconteceu com o veículo no decorrer da "sua vida". Saiba mais em www.capivaras.com.br Baixe o aplicativo https://play.google.com/store/apps/details?id=com.capivaras.app&hl=pt_BR